quarta-feira, 5 de junho de 2013

Filigrana

Episódio 612

"Porquê um coração?
 
Cabeça e coração, razão e sentimento, todos nós somos feitos disso. Por vezes cai bem ser assim, outras vezes nem tanto, mas eu sou mais coração, sou mais de sentir, e nem me incomodo em tentar fugir disso. Mais vale assumi-lo desde logo.
Além disso, o coração é, no meu entender, um símbolo romântico e feminino que me lembra de mim, mas principalmente daqueles de quem gosto.
 
Em vez de um coração dito "normal", optei por um coração com inspiração nos de Viana por uma razão simples e quase óbvia: porque amo o meu país, a sua cultura, o seu folclore, os seus símbolos e as suas tradições.
A tatuagem, sendo tão pequena, representa muito de mim e daquilo que gosto e defendo. Vejo, por isso, que foi uma decisão acertada."

1 comentário:

Jorge Ramiro disse...

Tenho uma foto do meu cachorro tatuado no meu braço. Agora eu tenho que ir ao petshop para comprar um bebedouro para cachorro, porque ele havia quebrado el outro.